Seguidores

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Acabou o glamour

Tento constantemente
libertar meu coração
do inconversível amor por você...!

Ó coração, apieda-te do meu ser.
Rasga o véu que veda meu olhar
Que impede  um novo investimento...!

Conheço a tua amorosidade,
E a saudade do tempo glamoroso.
Mas, é hora do adeus definitivo...!

Coração, não seja bobo,
Preciso que esqueça as  ponderações
Prepara-te para novas investidas...!

Esqueça a recidiva
que abre a ferida e retorce suas fibras.
Sorria, deixe a tristeza faminta...!